Adeus Vovó Zizi

Dar adeus nunca é fácil, por mais que você saiba que isso irá acontecer. Eu tive muito poucas perdas nesse sentido, e ainda não sei lidar bem com isso. Ao contrário da vovó Zizi… ela sofreu muitas perdas ao longo da vida, e sempre soube superar uma por uma.

Aliás, vovó foi uma pessoa que aceitava o que a vida oferecia com serenidade. Nunca ouvi ela reclamar. Nunca a vi infeliz. E olha que ela teve uma vida muito difícil. Às vezes me pergunto como ela conseguiu seguir em frente sem rancor…

Ela tinha muito poucas posses financeiras, mas mesmo assim era generosa e tentava dividir o pouco com os filhos que precisavam. Lembro que quando eu ainda morava em São Fidélis, ela ia nos visitar de ônibus, e trazia em um embrulhinho de papel de pão amendoins açucarados, sabe qual?! Aqueles coloridinhos… era a sua forma de mostrar carinho a mim e ao meu irmão. Na época eu nem dava tanto valor, mas hoje ao lembrar, meus olhos se enchem de lágrimas. Como eu queria abraçá-la e agradecer.

Agradecer pelas balinhas de amendoim coloridas.

Agradecer por nunca ter esperado nada em troca.

Agradecer pela lição de vida.

Agradecer…

Diversas 315

As lembranças que tenho de vovó são sempre com esse cabelinho branco… sempre desse jeitinho, com voz mansa e carinhosa. Sempre com esse olhar. Os olhos de vovó transmitiam uma ternura que eu nunca vi em outro lugar. Eram olhos sofridos e ternos.

Nos últimos anos a sua saúde foi piorando e em 2011 fizemos uma reunião de família, onde a maioria dos filhos e netos estavam presentes. Essa foto é a dos netos que estavam lá, incluindo eu.

IMG_5957

Há algum tempo o estado de saúde dela piorou, e ela precisou ser internada. Quando ela saiu da UTI fomos a São Fidélis, nos últimos dois fins-de-semana pra visitá-la na enfermaria do hospital, sendo que nesse último, acabei indo me despedir, sem saber.

Ela faleceu serena, apesar do sofrimento em que se encontrava. Faleceu ao lado das filhas, que se revezaram 24h por dia enquanto ela estava hospitalizada. Faleceu depois de ter dado aos seus netos que vieram de longe, a oportunidade de se despedirem.

Eu estava lá e pude ajudar com os preparativos:  levar as roupinhas dela pra serem trocadas, pedir que a maquiagem fosse bem leve, mandar limpar o túmulo onde foi enterrado meu avô, velar o seu corpo durante a madrugada, consolar minhas tias e minha mãe. Simplesmente não entendo como alguns filhos abandonam seus pais durante a velhice. Na nossa família ter nossos velhinhos em volta é motivo de alegria.

Minha vó faleceu aos 90, depois de uma longa vida. Mas nem por isso foi mais fácil. O que nos consola é saber que ela precisava descansar, ainda mais depois de tanto sofrimento naquele hospital. Pra família fica a saudade, fica a lição: Aceitar com serenidade os percalços da vida, dar sem esperar nada em troca, ser feliz com pouco…

Somente hoje consegui voltar a rotina. Foi difícil levantar da cama e ir trabalhar. Nem tanto pela vovó, mas por mim, que comecei a pensar em como às vezes reclamo de coisas pequenas, em como às vezes dou importância demais a coisas que não irão me acrescentar nada no final. Perto dela e de tudo que passou me sinto tão mesquinha… Desde a despedida resolvi me recolher em luto e em meditação. Não quero ser consolada. Não agüento mais ouvir “é a vida”, “Deus quis assim”, etc…

Prefiro o silêncio, prefiro… é a minha hora de chorar, é a minha hora de meditar, minha hora de orar. É a minha hora de dizer adeus.

Não sei se entendem o que quero dizer… mas essa é a minha forma de lidar com o luto e preciso disso pra me recuperar.

Então até sexta a vida continuará, mas de uma forma diferente pra mim, mais silenciosa e introspectiva. Essa semana é de meditação.

Que esses momentos de tristeza nos tragam lições valiosas, que saibamos valorizar o que é importante, e quem é importante. Que saibamos viver de braços abertos e sermos gratos por tudo o que Deus nos dá.
Que sejamos pessoas mais generosas, mais dispostas a perdoar.
Que aprendamos a viver em paz, que aprendamos a aceitar o que não pode ser mudado com serenidade.
E que Deus perdoe todos os nossos erros.

Em nome de Jesus, amém.

Anúncios

59 comentários em “Adeus Vovó Zizi

  1. Pois é, é muito triste perder quem a gente ama, tbm passei por isso, só que o meu caso foi um pouco diferente, minha vó morreu sem que eu estive a visto… Sempre que era para eu ir visita-la no hospital, algo mim impedia de ir, e isso me doía muito… Era domingo e me prometeram que eu a via ela, mas quando chegou a hora de irmos para o hospital inventaram algo, dizendo que não cabia todos no carro, assim me conformei, mas quando foram e fiquei sozinha, comecei a pensar, todos já haviam visto ela, porque um deles não ficou para que eu pudesse vê-la… Essa era minha única chance de ainda poder ver e tocar, lembrar dos momentos que passamos juntas, mas não deu certo…. Nesse dia fiquei sozinha em casa, tive medo de ficar só, e preferir ficar do lado de fora ate que eles chegassem com uma noticia… Horas se passaram, e isso durou um dia inteiro e nada de me darem noticias, fiquei angustiada e resolvi entrar, fui para o quarto da minha mãe, e comecei a chorar pensando em tudo e mais um pouco…. ali mesmo agarrei no sono, e quando minha mãe chegou já era tarde da noite, mas ela não quis me acordar… No outro dia bem cedo, era 21 de Setembro o dia do meu aniversário, foi quando o telefone tocou eu atendi pensando que iria receber uma boa noticia, mas não, era minha tia ligando para dar a noticia que minha vó havia falecido…. Nossah fiquei sem ação, foi quando percebi que realmente era verdade… 2 horas depois chegaram meus primos e minha tia, nem sabia o que falar apenas fui para um canto próximo da porta e comecei a chorar, sabia que não havia mais nada a fazer, mas a única coisa que vinha em direção a mim eram as lágrimas, lágrimas essas que ate hoje eu derramo me perguntando porque isso aconteceu, ela não estava doente, e aconteceu assim tão de repente… Minha avó faleceu quando eu havia completado 16 anos! Mas ainda hoje sinto falta dela… 😦

  2. oi sei muito bem o que e isso que voce passou ,eu passei por quase a mesma coisa quando minha avo faleceu eu estava na escola quando voltei que minha mae falou nao consegui acreditar fiquei gelada nao conseguia falar uma palavra , e nao caia na real , no dia que ia a interra cai na real comecei a chorar chorar quando ia tampa o caixao parecia que estava tirando um pedaço de mim , te hoje ainda nao acredito porque logo ela se foi e me deixou aqui , mas sei que onde ela esta deve ser melhor que aqui penso nela todo dia e choro toda vez nao consigo me comsigo me conforma . gente se tiver alguma palavra errada descupe estou chorando e ta meio ruim de escrever …

    • Sinto muito! Espero que vc que encontre forças e que seu coração se acalme. Dê tempo ao tempo, pois só ele consegue ajudar…

    • é muito triste mesmo isso já aconteceu comigo mais foi um pouco diferente,meu avô morreu quando eu estava indo para a escola foi muito triste meu primo quase desmaio quando viu meu avô no cachão e minha prima ficava falando que ele tava dormindo ai ela perguntou mais pq dentro deste negocio não era pro meu avô ta dormindo na cama ai eu falei Any o vô foi mora com o papai do seu ai ela falou não não pode ser vô volta pra mim vô por favor volta foi muito triste ver aquela cena.

  3. Olá,
    Adoro seu blog, sou uma frequentadora silenciosa, mas assídua,
    adoro ver sua ousadia em executar seus projetos, que diga-se de passagem, ficam MARAVILHOSOS.

    Mas o motivo de eu estar fazendo meu primeiro post aqui, é
    dizer que fiquei muito emocionada de ler sua postagem, estou em lágrimas aqui na hora do almoço, e dizer que me solidarizo totalmente….

    Assim, como você, também perdi minhas avós, e me doeu muito, aliás, ainda sinto muiiitttooo, as vezes me pego chorando de saudades…. são pessoas divinas, tão, mas tão amadas que nem sei dizer o quanto!!!!!!!! Pessoas mais que especiais, que com certeza fizeram toda diferença em nossas infâncias, trazendo a magia do amor de Avós!!!!!!

    Que Deus conforte seu coração!!!!!!
    E eu acredito que um dia iremos encontrá-las, e com certeza será a maior festa!!!!!!!

  4. Sempre acompanho seu blog, porem nunca comentei. Eu me indentifico totalmente , tenho 23 anos e a 2 anos a trás perdi minha prima-irmã (mesma idade q eu) e logo depois uma tia-mãe . Foi talvez meu contato + próximo com a morte, antes disso alguns conhecidos e parentes distantes ( minha mãe tbm n permitia q eu e meu irmão fossemos a enterro, tola.) Depois disso…. nem eu sei explicar . Eu amo a minha vo por tudo que ela foi e é. Por ser humilde como sua vózinha foi e mesmo assim me surpreender com coisas grandiosas. Talvez eu tivesse lido um texto-depoimento como o seu, e tenha apenas lido e emocionada. Porem minha vózinha e de Sao Fideles também , e isso me trouxe a memória minha avo na escencia , que mesmo ela velhinha … Eu nao estou preparada para me despedir.
    Que Deus possa confortar o coracao de todos querida (=

  5. sinto muito meu anjo… nussa quanto tempo que não passava por aqui, minha história é muito triste mesmo, eu acompanhava vocês todos os dias estava contruindo minha casa (castelo) com todo zelo, trabalhando muito para poder compor meu sonho, e derrepente em um passe de magica a magia acabou meu casamento acabou fiquei casada por dois anos, estou realmente muito magoada com tudo que meu ex tem feito pra mim, e estamos no rolo néh não conseguimos ficar um longe do outro mais estamos separados e eu esperando ele voltar ao normal a me provar que mudou que merece minah concideração não houve traição até que eu saiba, mais ele terminou comigo do nada ficou esquisito e terminou um relacionamento que era muito importante para mim já faz 5 meses no inicio eu estava bem comecei a curtir sair passear viajar, mais agora tive recaida ele esta com a cabeça a mil esta desempregado cheio de dividas pra pagar e não esta dando conta do recado, e eu estou trabalhando e tentando retomar minha vida, ele pediu um tempo para pensar, na vida dele mais disse que me Ama.. eu estou esperano esta fase passar estou esperando em Deus, a minha vitória minha casa ai como sonhei com ela e agora não existe mais nós existe uma casa que eu estou terminando para alugar… triste gente isso é muito triste… depois de muito tempo sem conesguir ir na casa fui lá ontem e ela ai ela esta lindaaa demais.. meu pai administrou o termino dela para poder alugar… elisangelamaciel@hotmail.com

    • Puxa… Sinto muito, mas muito mesmo por vcs… Vcs precisam mesmo conversar com calma, descobrir o que vai ser melhor pros dois e tentar de verdade, independente da decisao tomada. Fico aqui na torcida pra que a casa nova se torne um lar.

      Mil beijos, muita forca e sabedoria!

  6. Olá, lendo esse seu post, deixar algumas palavras! Essa sua história com sua avó (materna, não?) é muito parecida com a minha! Só que no meu caso, quando vovó se foi, ainda era muito pequeno, mas ficaram boas recordações. Ela, em seus “últimos anos” de vida acabou por depender de “favor” de uma filha que tinha melhores condições financeiras e, sempre que possível, ela atravessava a cidade onde morávamos, sob sol forte com sua sombrinha, ia nos visitar. Fica a doce memória de uma dessas ocasiões em que ela chegou em casa com a sombrinha fechada e seus netos arteiros (dentre os quais me incluo) fomos “fuçar” e ao abrir a sombrinha estragamos sua surpresa com uma “chuva” de bombons que ela deixou de comer para nos agradar. Também fico com os olhos marejados de recordar (passaram 20 anos, mas ela me marcou, à sua maneira, com sua ausência – era uma vó que sabia educar, com “safanões” e tudo rsrs), enfim, lendo suas palavras entendo o que sente e me pego pensando conforme a música do Daniel “Pra ser feliz” (… pra ser feliz, do que é que o ser humano necessita? o que é que faz a vida ser bonita? a resposta, onde é que está escrita?). As respostas, vivemos dia-a-dia buscando…Na hora da perda, sabemos que cada um reage de forma diferente, por isso não sei agir nessas situações! só peço que Deus abençoe você, sua família e que dona Zizi já está ao lado de Deus olhando por vocês.

  7. Amiga, nossa que tristeza que me deu por você, já perdi um irmão e sei como a dor é grande e dificil de explicar, só peço a DEUS pra te dar força. Chore o quanto tiver que chorar neste momento não há nada no mundo pra fazer a gente se sentir bem, apenas conte comigo pro que precisar!!Te cuidaaa, super beijoo

  8. Olá, sou a Carol Ribeiro, visito seu blog a algum tempo (é… não sou de deixar comentários rs), mas simplesmente adoro.

    Quero apenas dizer que seu texto me comoveu! Lindo..

    Faça suas orações e lembre sempre das coisas que deixam sua avó feliz!

    Um grande beijo!

  9. Sou exatamente assim, reflita e passe por este percalço bem. Sofri uma perda muito grande aos 18 anos quando minha bisavó faleceu aos seus 98 anos…saudades dela. Deus vai te confortar e sentirá uma saudade bem gostosa pode apostar. Bjaum

  10. Oi Ju, sinto muito pela sua vó, que Deus conforte seu coração.
    Leio todos os srus posts, dou fã vcs, mas não sou de comentar. Acabei de ver no face na pág:”crie e faça vc mesmo”, uma foto de vcs com uma propaganda de uma serra elétrica, e seu namorido ainda aparece na foto!
    Desculpe o assunto justo nesse post, mas achei certo avisar.bjos

  11. Só quem vive a perda de uma pessoa tão proxima sabe o que é isso… perdi a minha mãe vai fazer quatro anos, eramos só eu e ela, até hoje não sei se superei… talvez nunca… fiquei diferente, não sei, já não sou mais a Vanessa de antes. O que eu posso dizer? As vezes vem a saudade… depois vem a raiva e os questionamentos: “por que vc me deixou?”… vamos nos acostumando… cada um é cada um , não tem uma formula… nunca estamos preparados, nunca! Mas a vida que segue… Juliana, fica na paz, estarei orando por todos da sua familia.

  12. Sofra, mas lembre sempre dos momentos de alegria, que vc possa ter seu tempo para refletir, pois, estaremos aqui esperando suas palavras alegres e vivificadoras, ficam os meus sentimentos pela sua dor!!!!

  13. Hj vim te visitar novamente e me deparei com vc triste entendo seus sentimentos e dor estou sem palavras para poder dizer algo a uma amiga que vive sorrindo para a vida e da vida!!! que td que vc esteja passando seja vvido intensamente como tem que ser vivido seu Luto.
    Vc superará isso de uma forma que será somente sua com td tristeza… mas saiba que a cada lágrima será acolhida e transformada em sorriso bjus.
    O CHORO PODE DURAR UMA NOITE MAIS SUA ALEGRIA VIRÁ PELA MANHÃ!!!

  14. Ju parece que voltei no tempo com sua palavras há 3 anos atrás qd perdi minha “Vovis”! Minha vovis que morou na roça a vida inteira, que qd vinha aqui pra São Paulo traizia galinha, ovo caipira, feijão e 5 reais embrulhado num papelzinho de pão pra eu comprar uma coisinha pra mim! Minha Vovis que falava tudo do jeito dela, mas tinha um coração, uma bondade que eu jamais ví e faz muita falta a este mundo! Mas existe um tempo para npos aqui, um tempo para amarmos e sermos amados, simpes assim… mas a gente compiica tanto a nossa exustencia né! Te digo q de vez em qd ainda vivo o meu luto, que quando vou a MG pe imposspivel não sentir a falta dela em cada canto que olho! Mas Ju, eu sei que ela fez o melhor dela aqui e hj estpa descando como todos nós faremos um dia, e como alguém vai sentir a dor que hj vc sente!! E o mais importante é que um dia tudo se transforma em uma saudade tão gostoso, as lágrimas sao substituidas por sorrisos e a falta aos poucos vai ficando bem pequenininha e a saudade é a coisa mais gostosa de se sentir! Cada um tem seu tempo para superar… apenas tenha o seu! Um beijo bem grandão para vc e sua família e vcs estçao em minha horações tá! Fica com Deus flor mais linda dessa blogosfera e com as idéias mais geniais… não somos nada sem sua idéias e postes divertidos kkkk!

  15. Meus sentimentos.. mas tenho certeza que ela ta olhando e cuidando de vocês.
    Tambem perdi meu avô amado, mas ja tem um tempinho! Lembro que na epoca so pensava em tudo o que ele me ensinou e me dei conta que estava fazendo tudo errado. Uma pena ter perdido ele para perceber as burradas que estava fazendo na minha vida! Mas Deus bom e me deu a oportunidade de tentar novamente.. e ate hoje sinto meu avô comigo, me guiando e me mostrando o caminho certo!
    Se for preciso chore, nesse momento e a unica coisa que nos conforta! Depois das perdas aprendi que Deus sabe o porque de tudo, mesmo que seja dificil de entender! Tenho certeza que ela foi uma pessoa boa e muito amada, o descanço foi um presente! Anjos não merecem ficar sofrendo neste mundo! Hoje vocês tem uma nova anjinha cuidando, olhando e confortando vocês!

    Bjs

  16. Oi Ju, sinto muito pela sua perda, de verdade. Já passei por muitas perdas dolorosas e olha que ainda estou nos 31 anos (n gosto nem de pensar). Mas assim como você, prefiro o silêncio. Não gosto de consolos (mesmo que verdadeiros) porque acredito que cada um enfrenta a dor de um jeito. Mas, acredito também que é preciso viver essa dor, não para sempre é claro, mas para que depois desse tempo de introspecção a gente possa ter aprendido alguma coisa. E a gente sempre aprende.
    Por isso viva o seu luto, pense, medite e depois se levante forte e feliz por ter tido a oportunidade de ter conhecido essa pessoinha que parece ter sido uma ótima pessoa e especial em sua vida, sua avó.
    Fique bem!
    Bjus

  17. Ju, essa semana publiquei no blog uma homenagem aos meus avós, que foram casados por 70 anos, mas agora estão lá no céu namorando. Faleceram com pouco mais de 90 anos. Essas pessoinhas lindas que nos inspiram tanto, não poderiam ir embora. A saudade aperta demais.
    Desejo do fundo do meu coração que Deus conforte o coração da sua família, que a dor passe rápido, porque a saudade (e que seja boa!) dura pra sempre!

  18. Ju, como é difícil nos separarmos né? Até hoje também tive poucas perdas, mas minha vó querida também foi uma delas. Que Deus conforte seu coração e que as lembranças fiquem para sempre com você.

    Beijos

  19. Querida Ju, Força!!!!
    Sem mais o que escrever, acho que vc mesmo falou por todos!!!! Bjs e que Deus ilumine vc e sua família.

  20. sinto por vc Juliana.só quem passa sabe.já perdi 2 irmãs e meus pais, mas te digo que td passa.pode acreditar, tudo passa…lá fora a vida continua, o sol vai brilhar de novo e vc vai superar. um grande beijo, e Deus te conforte.

  21. Lindas palavras Ju…. vc realmente estava no mais alto nível das suas emoções ao fazer este post…lindo lindo lindo

    Sua avó onde estiver tenho certeza que ficou feliz ao saber de tudo isso…..

    Seu post serviu muiiiiiito pra mim, estou tendo que lidar com as perdas da vida, só que a minha foi de uma “pessoa” que eu nem tive a oportunidade de conhecer…… e como vc mesma disse estou tentando aceitar com serenidade as coisas que não posso mudar…..

    De desejo do fundo do meu coração Ju que Deus te dê sabedoria e conforno nessa hora….um beijo
    Dri

  22. Oi Ju. O que dizer num momento como esses? Não há o que dizer. Só saiba que estou aqui, torcendo que a tristeza passe. Esquecer a gente não esquece jamais, só a dor que ameniza, e ficam as lembranças doces, e as lições que as pessoas que foram nos deixaram.
    Grande beijo, e que Deus acalme teu coração.
    Fer

  23. JU,

    Sinceramente não encontros palavras pra descrever o qto seu post me emocionou!!!!
    Espero que esteja bem e só o tempo é capaz de confortar seu coração!!!!

    Grande bjo amiga
    e força tá????

  24. Ai Juh, não deixei minhas lagrimas caírem agora pq estou no trabalho, mas senti no seu post o meu sentimento e o meu desabafo tbm….perdi minha vozinha, de cabelos branquinhos como a sua aos 91 anos no ultimo mês de agosto e sinto um aperto no peito ainda cada vez que penso nela!!!a tristeza passou, mas a saudade que fica é ainda pior, o sentimento de “nunca mais”, nunca mais vê-la, nunca mais rir com ela, nunca mais ouvir suas sabias lições e conselhos…
    força amiga, não somos “programados” para aceitar com facilidade as perdas, e nem acho que deveriamos ser, temos que passar pelo luto e pela tristeza sim, e refletir, muito!!!!
    bjux e força!

  25. Amém…..
    Estou completamente sem palavras, mas sei como é esta dor que vc esta sentindo. Você esta certa em querer o silencio, pois com certeza será o momento de comunhão e entendimento para com você e Deus.

    Fica em Paz, Um grande Beijo.

  26. Realmente palavras de conforto não acalmam nosso coração nessa hora. Sentimos uma dor na alma e o coração fica ferido. Mas o tempo irá curar a dor e cicatrizar. Falo por experiência própria. As lembranças que você tem com ela, serão eternas.
    Dia 03 de fevereiro fez 5 anos que meu pai faleceu. Foi o momento mais difícil da minha vida. Foi muito sofrimento. Minha mãe ficava 24 horas no hospital com ele em outra cidade, eu estudava, trabalhava e sempre que podia ia até o hospital. Eu tive a oportunidade de me despedir e quase que ele faleceu segurando minha mão e pedindo para eu visita-lo quando fosse possível. No outro dia ele entrou em coma e faleceu dois dias depois. Faltando dois dias para o meu aniversário.
    Que Deus possa confortar seu coração e de todos os seus familiares. Dona Zizi está nos braços de Deus.Bjs.

  27. Fiquei muito emocionada com seu relato, pois senti o mesmo quando minha avó materna se foi. Ainda hoje, depois de 21 anos, ainda sinto falta da presença dela. Que Deus a a acolha e ilumine, e que você sempre recorde dela no seus melhores momentos e de seu carinho. Beijos.

  28. Não tenho o que dizer neste momento.
    Precisamos nos resguardar mesmo , ficar quietinhas até que nosso coração se sinta em paz , não é fácil aceitar quando isso acontece com quem amamos , não queremos entender , sempre perguntamos por que a vida acaba assim?
    O que mais dói é a saudade Ju , e nós precisamos ser fortes para superar tudo isso !! Eu entendo seu silêncio , já passei por isso também e nem quero imaginar o que ainda vou passar!! Precisamos do silencio para entender certas coisas da vida!! Respira fundo , entrega este momento nas mãos de Deus, pois somente ele pode nos confortar !!

    Estamos aqui se precisar !!

    Bjsss..

  29. Não há palavras que definam este momento, não há nenhuma que nos conforte, fica somente o vazio e aquela vontade de poder voltar no tempo e ver só mais uma vez aquele que partiu, e perante a impossibilidade, nos resta mesmo somente o silêncio.
    Meus sentimentos.

  30. Amém, amém, amém.
    Concordo com cada palavra que vc escreveu.
    Neste momento, o silêncio e o respeito são o que mais importa.
    Que Deus conforte o teu coração e de todos da família.
    Meu carinho sincero.

  31. Chorei ao ler.
    Tudo que escreveu me fez lembrar tanto da minha avó que faleu há alguns anos. Eu a amava tanto e sinto tanta saudades…
    A dor vira saudade!

  32. Sabe o que passa na minha cabeça nesse tipo de momento? Aquela tela final de desenhos de princesa, onde se diz “E aí eles foram felizes para sempre! The end”. Não sei porque me vem isso na cabeça, talvez acredite numa pós vida feliz e sem sofrimentos, me conforta pensar assim, me faz pensar que também vou passar por isso um dia…vou ter o meu feliz pra sempre.

    Eu não sei ser uma pessoa comum, sou muito seca nesses momentos, só vou sofrer um tempão depois, e daí me vem esse pensamento que me faz sorrir e seguir em frente.

    Um bjo amiga, estarei aqui se precisar!

  33. Oii lindona, já que vc não quer ouvir essas coisas que todo mundo diz, vou ser diferente.
    CARACA ,.. parece que esse texto foi escrito para mim, como me encaixei direitinho em todas as partes .. tb perdi minha avó , porém já faz um tempinho e ela era mais nova, mas a saudade e o aperto no coração creio que sejam os mesmos.
    Chorei ao ler sobre as balinhas que sua avó te dava, pois a minha fazia a mesma coisa e eu também não dava o merecido valor.
    Agora mesmo estou com águas nos olhos de lembrar …
    Abraços …
    Aline

  34. Querida faz muito bem em chorar, ter seu momento de luto. Nós crescemos aprendendo que devemos chorar em silêncio, que não devemos mostrar nossa a tristeza aos outros, mas sempre discordei. Temos que ser sinceros e honestos com a gente… merecemos isso! Temos o direito de sentir saudade, raiva, angústia, dor. Cada sentimento tem um tempo de passagem dentro de nós. E vendo esse seu depoimento amoroso e cheio de gratidão pela pessoa que foi sua avó, me fez chorar também pois minha mamãe tem esses cabelinhos brancos, esse comportamento e eu tenho ultimamente o desejo de sempre que estou perto dela, estou DE VERDADE. Sei que o adeus pode vir para qualquer um e a qualquer tempo, mas quero ter no dia do adeus somente saudade e coração tranquilo. Como você mesma falou, que Jesus muito a abençoe e a toda a sua familia. Beijo.

  35. Ju… poucos são os que passam por momentos assim e tiram deles uma lição, só os que tem Deus no coração, e uma família linda como a sua pra ensinar os reais valores. Fica na paz, beijos, beijos e beijos

  36. Sim….é o tempo de reflexão,de dor que tem que ser sentida e não desprezada,pois você é gente que sente,e não uma máquina.Com certeza,mesmo que não entendamos e não aceitarmos perder,pois fomos feitos pra eternidade,Deus está do seu lado e da sua família,através do Espírito Santo,pra consolar,passar do bálsamo que só Ele tem para curar essa dor que nem dá pra explicar,de tanto que dói!Beijos pra você,com sentimentos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s