Farofeira, Eu?!?!

Então, sábado passado fomos com um casal de amigos pra Búzios cumprir duas missões ligadas a duas metas do ano de 2013, que estamos mantendo pra esse ano (mais sobre isso em breve):

– Fazer algo diferente

– Passear nas cidades próximas

Chegamos lá após uma preparação prévia: colocar sombreiros e cadeiras de praia no carro, e abastecer nosso cooler com muita cerveja gelada, belisquetes, água, frutas… porque gente, praia pra nós é assim…

Nunca achei que fôssemos farofeiros, assim, no sentido literal da palavra. Embora sempre brinquemos que vamos fazer farofa na praia, pra mim farofeiro leva algo inapropriado de se comer no lugar, ou porque vai fazer bagunça e sujar tudo, ou causar transtornos aos demais de alguma forma, como algo que tenha um cheiro muito forte, a ponto de incomodar, ou fumaça na cara das pessoas, ou algo assim. Levar sanduíche, biscoitinho, e ainda carregar o lixo pra casa, é algo extremamente normal e civilizado, quero dizer, isso não faz de você um farofeiro no sentido pejorativo da palavra. Concorda comigo?

Você talvez sim, mas nem todo mundo concorda… e uma das pessoas que deixou isso claro, foi uma mulher de um quiosque na praia. Por que digo isso? Digamos que ela foi bem sutil… ela só ficou falando bem alto, quase que gritando pra todo mundo ouvir que a farofa ia começar… mas principalmente, pra nós ouvirmos isso. Por que? Porque usamos um espaço na areia de frente ao quiosque dela. Só por isso. Ela se apossou daquela faixa de areia, e ficou revoltada porque levamos as nossas coisas e não pagamos pra usar as coisas dela. KKKKKKK… a minha reação foi essa, rir…

A foto abaixo mostra mais ou menos como é o esquema lá… tirando a sombrinha listrada, todas as outras pertencem aos quiosques. No nosso caso, elas estavam colocadas quase que em cima da gente, uma pena que eu não tirei foto pra mostrar…

9Z9A1004

Aloooooo… a praia é pública! Chegamos cedo e usamos o espaço que tinha. Se queria usar aquele espaço, que chegasse mais cedo que a gente. O único espaço reservado por direito, era o quiosque na parte de cima, que é antes da areia, e que aliás, tinham muuuuuitas mesas disponíveis…

Enfim, ignoramos e seguimos nossa vida. Aí eles começaram a colocar as mesas e cadeiras deles em nossa volta, de uma forma que mal podíamos passar. E toda hora alguém vinha oferecer uma mesa, ou um cardápio, com cara de que estávamos invadindo o espaço deles… sabe quando tentam te coagir?! Então… O interessante é que uma família ocupou uma mesa bem em frente a gente, e na hora que olharam o cardápio, gritaram: – R$13,00 por uma cerveja long neck?! PQP!!!!!

Eu acho que cada um cobra o que quer, e você paga se quiser ou não. Todo mundo tem direito a trabalhar e a ganhar seu dinheiro, mas eu tenho o direito de usar a areia da praia e decidir se quero pagar 13 por uma cerveja ou não. Simples assim. Acho que existe um meio termo, onde todo mundo pode sair ganhando, meio termo que vimos aplicados em inúmeros lugares pra onde já viajamos. No Ceará comemos lagosta na areia da praia!! Por que? Porque o preço era justo pra nós, e porque estávamos de férias e não queríamos levar nada pra praia, e porque queríamos e podíamos gastar. E essa decisão é muito pessoal. Se acha que vale a pena sentar no quiosque e gastar 13 na long neck, ninguém pode te criticar por isso, o dinheiro é seu e você gasta como bem entende, mas criticar o outro que não pode ou não quer?! E o que fico mais revoltada: tem gente que não pode meeeeesmo gastar dinheiro na praia, e vai fazer esse tipo de passeio justamente por ser de graça, e a última coisa que ela precisa é ser marginalizada em um ambiente público, que ela tem o direito de escolher como usar.

Voltando ao final da história: ao dar uma volta na praia, achamos um lugar muuuuito melhor pra ficar, com mais espaço e sombra, então optamos por sair dali. Saímos da mesma forma que chegamos, sem falar nada, porque farofa pra mim é ser deselegante e mal educado, algo que deixei apenas pra ela, que deve ser muuuuuito rica pra falar da gente…

Praia 2

Praia

Lá conhecemos uma família de São Thomé das Letras, onde já passamos um carnaval, e a conversa rolou solta…

Galera

Aproveitamos muito a praia…

Na água

Praia 3

E o que fizemos de diferente?! Stand up!

Remando 1

Na prancha

GOPR0222

GOPR0214

Remando 8

E se você alguma vez viu esse comercial, saberá do que falo quando digo que na água, as pessoas são como pedestres, os jet skys como motos, e as lanchas como carros… Já viram?!

 Aí eu te pergunto: e o que é uma pessoa em pé remando na prancha?!

Se esta pessoa estiver caindo toda hora, já levemente alcoolizada (com a cerveja que trouxe de casa, diga-se de passagem), esse alguém sou eu!

Remando 9


Caindo

caindo 2

Mas se esta pessoa estiver remando descontroladamente e em direção a praia, sem olhar pros lados, e você bater nela, esse alguém é O Namorido!

 Remando 2

Remando 3

Remando 4

Remando 5

Remando 6

Remando 7

Enfim, posso dizer que foi muuuuuito bom, que ninguém se machucou ou morreu, e que ir a praia é algo que pretendemos repetir ainda muitas vezes esse ano. E aliás, essa já uma repetição, porque olha só o que fizemos no primeiro dia do ano: farofa na praia! Uhuuuuuuu… mas dessa vez, sem ninguém nos recriminando…

9Z9A0954

9Z9A0965

9Z9A0975

Mas me digam: quem aí gosta de levar as próprias coisas pra praia? Farofeiros no bom sentido da palavra, com orgulho ou com vergonha?! Qual sua opinião sobre isso?

Anúncios

70 comentários em “Farofeira, Eu?!?!

  1. Farofeira é a mãe, somos precavidas, isso sim, kkkkkkkkk, amo levar minhas coisinhas pra praia, marido não gosta muito, mas nem ligo! Amo praia, saudades de vcs, bjs!!!

  2. Oi Juliana, sempre visito seu blog!!!!!! Mas é meu primeiro comentário, uma fafora básica sempre rola na praia, neh, levamos sempre uma caixa com algumas cervejas, refri e água e algumas coisinhas pra beliscar como doritos ou amendoin, eu uso cadeira e/ou espreguiçadeira e guarda sol das barraquinhas e consumo minhas coisas e as coisas da barraquinha pq amo pastel e água de coco.
    Bjo pra vc!!!!!

    • Oi Lu! Então, isso aí eu concordo, usar se quer, comprar o que quer… sem ninguém ficar te pentelhando! Rs
      Depois vou la conhecer seu blog! Espero que se anime a comentar mais vezes…hehehe
      Mil beijos

  3. Aqui em Niterói também rola muito disso de “lotear” a praia, mas aqui a “farofa” é bem aceita. O problema é que os farofeiros são farofeiros mesmo! Inconvenientes, mal educados… Mas olha, você ainda foi muito dama com a mulher do quiosque… Eu, além de rir, ainda abriria uma lata de cerveja (tipo em câmera lenta) bem na frente dela e tomaria com o maior prazer, com direito a um “aaahhhhh…” no final!

    Beijos!!!

    • Melissa, é isso mesmo… eu queria ter usado essa palavra! É um loteamento à beira mar! Fala sério! E adorei a câmera lenta… kkkkkkkk
      Ri muito aqui imaginando a cena!

      Beijão

  4. oiiii adorei a história, rsrs
    esse pessoal folgado que se acha dono da paria é revoltante né, mas é isso ai tem que curtir e ser feliz do seu jeito, ninguém é obrigado a nada,a praia é publica. Fiquei aqui morrendo de vontade de pegar uma praia, a anos não faço esse programa, e quer saber, já inclui ele na minha lista de desejos para esse ano, rsrs

    Mil bjos querida!!

    • Andressa, coloque mesmo na lista! Sabia que nós quase não aproveitamos a praia também?! Mas ultimamente tenho colocado como meta e deixado as coisas de lado pra aproveitar… vale a pena!!
      Mil beijos

  5. Farofa chic sempre!!! Ainda mais agora que tenho uma pequenininha de 1 ano e 3 meses… Melhor opção do mundo!! Levamos bebidinhas, belisquetes pra todo mundo e comidinhas saudáveis pras crianças!! Muuuito mais fácil, mais saudável e mais barato!!

  6. Sempre acompanhei o blog de vocês mas nunca comentei, fiquei muito contente que voltou a postar. Quando vou a praia para evitar a fúria dos quiosqueiros ou eu alugo as cadeiras e a sombrinha, ou eu consumo lá, porque senão nós somos coagidos então nós preferimos pagar para não ter pertubação. Mas a praia é pública e acho que vocês estão certos.
    Espero que em 2014 venham muitos posts para nos inspirar.
    Beijos.

    • Márcia, que bom que resolveu comentar! Espero que seja a primeira de muitas vezes…hehehe
      Mas não é um absurdo, vc se obrigar a fazer algo que não queria porque eles se acham os donos da praia?! Isso é o que me irrita neles… mas oh, eu tô nem aí… Se junte a nós e vamos na farofa! kkkkkk

      Mil beijos e pode deixar que esse ano vamos aparecer mais!

  7. Oi ju!

    Esses barzinhos na beira do mar se acham os donos da praia né um abuso, que bom que tu tem aparecido mais seguida!
    Queria tirar uma dúvida contigo oque tu acha da tua cadeira bertóia ela é confortável? Tu compraria novamente? Eu to querendo comprar no mercado livre a cadeira e a banqueta bertóia vi na tokstok por quase 500 reais e no mercado livre tem por 175 cada muita diferença né!
    E ai já resolveu alguma coisa sobre a lava- louça?
    Não some hein rsrsrssrs bjs

    • Adriana,

      Pra ficar sentada por muitas horas não é não, precisa de uma almofadinha. Mas no escritório por exemplo, uso uma almofada e fica ótima, uso por muitas horas. Pra cozinha, que ficamos por uma refeição, é bem confortável e eu compraria de novo, com certeza!
      Quanto a lava louça, resolvi siiiiiiim… já vai sair post a respeito! hehehehe

      Beijãooooo

    • Aurea minha amiga, tava com saudade de vc mulher! Achei que tinha me abandonado! Que bom que apareceu… hehehehe
      Beijão

  8. Oi Ju,
    Concordo cm vc em gênero número, grau e o que mais for possível. Levar as próprias coisas pra praia é opção e direito de cada um, vai de acordo com o que se pode e quer pagar em cada momento. Quando vou ao recreio, por exemplo, não levo nada além de uma canga, alugo uma cadeira por lá para o dia todo, água, suco, coco, nada disso causa danos ao bolso e fico esperando ansiosa pelo sucolé que não tem igual em outra praia. Em Ipanema não rola alugar cadeira por causa do preço, mas o mate de galão (proibido por sinal) é o melhor do mundo (com as bactérias do fundo do galão e tudo kkkkkkk!!!), e se vc der sorte (porque acaba rápido) também dá pra comprar o sucolé do Claudinho, não é barato mas vale, depois é só bater a areia e ir comer em um dos bares ou restaurantes região, nada que já não se esteja acostumado a gastar. Agora Búzios não tem jeito, lugarzinho bom de visitar mas caaaaaaaaro de se consumir, vale uma farofa das boas. Vc não tá sozinha nessa não amiga, sou farofeira de Búzios também. =D

    • Jack, vc captou exatamente o que eu quis dizer! Tem lugares que queremos consumir, ou pq gostamos, ou pq não estamos a fim de levar, ou por qq motivo. Mas essa opção é estritamente pessoal! Assino embaixo do que falou tb! Rsrsrs

  9. Ju que delícia!!! vc aproveitando a praia. Amo búzios já fui várias vezes… e quero cada vez mais voltar nesse lugar lindo!1 eu fiz um arranjo de decoração para meu banheiro com a areia da praia do forno que é vermelha !!! e cada praia de búzios que eu ia eu pegava as conchinhas ficou maravilhoso e td vez que olho lembro dos melhores momentos que tive nesse lugar!! bjim

    • Cris, qd vier de novo por aqui me avise que marcamos de nos encontrar! Seria uma delícia passarmos o dia lá! Mil beijos

  10. Que delícia de passeio deve ter sido não ? Fiquei feliz que vc voltou rs , curto muito o seu blog, e toda semana dava uma espiadinha querendo ver uma novidade , agora sim hen . Quanto a farofada ela tem que existir sim !!!! Passei minhas férias deste começo de ano em Paraty Rj e te digo, me assustei com os valores , em tudo ,e todos os lugares era tudo muito caro e nós sempre com a nossa bolsinha térmica kkkk ,acho que temos sim que pensar nessas coisas , veja a minha situação já fiz uma viajem de quase 500 km com muitos gastos , pedágios , gasolina etc…..chegando lá só gringo que provavelmente são ludribiados por todos lá e eu uma mera pessoa recebendo salário de professora kkk já entendeu né..Bom aproveito o momento para te convidar a conhecer minha cidade que também é turística . Moro no interior do estado de São Paulo em Pedreira na terra da porcelana já ouvir falar ? muito linda …bjs até.

    • Ah Nanda, que bom que não desistiu da gente! Então menina, já temos que nos planejar pra gastar com hotel, gasolina, etc, então é muito bom poder economizar em algumas coisas, não é?! Opa, convite?! Uhuuuuuu…rsrsrsrs. Serio, não conhece, os, mas agora fiquei super curiosa… ainda mais tendo porcelana pra comprar pra casinha… hehehe
      Beijão

  11. ;Oi Ju..
    Depende, tem dias que tbm fazemos uma “farofa chic”..rs… e tem dias que ñ….
    Vai de acordo com o humor, planejamento e dinheiro…rs… Pq vamos combinar que sai muuuito mais em conta né?

    bjo

    • Oi Dani! Então, é isso aí, tem que ser uma opção pessoal, não algo imposto… e com certeza nem se compara levar com comprar…
      Beijocas

  12. Eu sou totalmente a favor de fazer farofa na praia!! isso sim é bom… kkkk aqui em São Paulo eles tbem dominam o espaço totalmente, mesmo que os sombreiros estejam vazios… só para ninguém ocupar o espaço “deles”… mas tem que ver o lado bom da coisa, passear na praia é muito legal!!

  13. Belo relato.
    não sou a melhor pessoa pra falar de praia pq sinceramente eu ODEIO ir a praia kkk
    sou mais fã de uma serrinha ou de ficar em casa e descobrir algum lugar legal na minha cidade mesmo (rio de janeiro)

    mas tenho uma curiosidade sobre esse stand up paddle, isso é realmente emocionante ou é mais como um relaxante passeio de barco/gondola?
    sempre que eu vejo as pessoas remando nisso eu lembro daqueles canais de veneza e suas gondolas kkkk

    forte abraço e que apareçam mais e mais vezes =D
    Vinícius Melo

    • Vinicius, eu falava pro nosso amigo que deu ideia que pra mim isso parecia um indio remando em cima da canoa….e honestamente, foi meio assim que me senti Kkkkkkk. Achei zero emocionante, mas é relaxante e um bom meio de locomoção. Mas não me vejo comprando uma prancha, amarrando no carro e indo pra praia fazer isso. Mas rola alugar pra andar de novo, acho eu…hehehehe

  14. Sou farofeiro sim, e com orgulho, levo sempre que posso, como costumo ir e ficar na casa de amigos que moram quase de frente pro mar, fica mais facil, quanto a barraqueira do quisosque, nem te ligo, ela tem escritura da praia, comprou, então ela que va catar coquinho. Bjs!

  15. Quando posso levar eu levo e até prefiro levar. Pq eu iria preferir pagar 13 reais em um longneck se eu posso levar uma que paguei 2 reais? Farofeiro para mim é levar comida inapropriada para o local, (comida mesmo arroz, feijão, frango…) ou todo mundo beber do mesmo refrigerante 2 litros no bico.. agora ser organizada, e levar meu próprio salgadinho, lanchinho, latinha, etc, não é ser farofeiro é opção.

  16. Vou pouco a praia tbm, estou necessitando dar uma salgada… kkkk, e sou farofeira que nem vc…. levo minhas coisinhas nos dias que quero e ponto, acho super normal e divertido isso!!! Bjsss

  17. Olha, nas raras vezes em que vamos à praia, sempre é de busão pra uma praia bem longe, já pq não curtimos lugares lotados e litoral sul de sampa, ninguém merece!! Tá sempre cheio!
    Mas aí não levamos nossas coisas não, nem da pousada, pq sempre somos só nós dois e não tem quem fique cuidando né, certa vez marido viu de longe, quando estávamos na água, dois suspeitos olhando nossas coisas na areia e conversando entre si, se aproximando aos poucos, saímos da água e fomos pra outro canto.
    E olha que ali tinha só nossas roupas, a canga, os óculos, as chaves e o cel do marido, mas já seria um prejuízo!!!
    Mas se fosse num grupo, com ctz eu preferia levar as coisas, na areia e por perto é muito caro! Onde já se viu um simples sorvete de palito por 5,00??????

    Bjs!

    • Val, realmente assim não vale a pena, e quando viajamos, também acabamos não levando. Mas isso deve ser uma opção pessoal, e somente isso… não tá com nada preconceito! Vem passear por aqui que levamos as coisas pra vcs…kkkkk

      Beijão!

  18. Oie!
    Lá no RJ eu sempre fiquei nos quiosques…fui aprender a levar a “farofa” aqui em Manaus, indo para as cachoeiras, porque normalmente são isoladas. E percebi o quanto é legal e delicioso pois acaba sendo um picnic prazeroso!
    Só cuidado com as comidinhas, as temperaturas altas estragam tudo bem rápido!

    bjuuus

    • Paty, levar é muuuuito bom, porque vc sabe o que está comendo… eu já comi tanta coisa ruim e cara na praia que fiquei com raiva! Sério! E bem lembrado, tem que tomar cuidado… o ideal é ter muuuuuito gelo no cooler!

      Mil beijos!

  19. Oi…. É assim mesmo, né… Pessoas mal educadas estão em todos os lugares….
    eu sou farofeira total!!! Mesmo se for um pulinho na praia do Centro (com criança então) levo tudo… Água, suco, biscoitinhos, batatinhas,Danoninho… e até piscininha…kkkkkk.Tudo tem seu preço mas nessa época elas aumentam tudo ( e muito) achando que todo mundo é turista…. A Praia ainda é a melhor opção pra todos os bolsos e é pública… Mas sempre tem historinhas… Uma vez indo pra Arraial do Cabo queriam cobrar pra gente passar de carro pela rua principal (na rua não estacionamento!) e meu tio que estava na frente falou: mas estão cobrando p/ passar na rua! Tantos metros além do mar pertence a Marinha, eu sou da Marinha então vou pagar pelo que é meu?! (Confesso que ele já estava um pouco alegrinho) Então todos passamos (ah, meu pai é da Marinha tb, já reformado)…. Coisas do verão no Rio… Rimos muito disso até hj… Bjs

    • KKKK
      Quando eu falo que vc é das minhas, nego nem acredita!
      Aí, quando vier de novo pra essa região, me avise que vamos aprontar tooooodas juntas!

      Beijocas

  20. Oi Ju

    Nós costumamos levar a cervejinha e a água! Comidinhas nas pescarias vão juntos também!! 🙂
    Absurdo esta mulher ou qualquer outra pessoa ou propriedade (hotel, ressorte, casas) acharem que podem tomar posse da área, de um costão, ou de uma ilha. Propriedade pública! Desagradável a atitude dela!

    Bjus e ótimas farofas em 2014
    Dani

    • Não é Dani?! Foi essa a minha revolta! A pessoa usa o espaço público pra ganhar dinheiro e ainda reclama quando quero usar um pedacinho?!?!
      Ouvi dizer que as regras estão apertando, e no dia que estávamos lá, a fiscalização estava em cima. Tomara que algo mude!
      Mil beijos

  21. Antes eu não levava, mas agora sempre levo minhas bebidas, porque mico é pagar R$ 7,00 na cerveja, R$ 4,00 na água… Todo mundo leva. Só não faço churrasco kkkkkkkk.

    • KKKKKK
      Lorena, concordo com vc! Mas já vi gente fazendo churrasco, o que acho válido em praia deserta, com poucas pessoas, mas no meio da aglomeração é levar o negócio de trazer de casa a sério demais…kkkk
      Beijão!

  22. Bom dia, e vcs tem planos de um bebezinho? abraço!!! ah outra coisa vale a pena aquela batedeira maravilhosa na sua cozinha? viu dei de presente pro meu marido uma lavadora de louças da electrolux maravilhosa, tirei o porta temperos e coloquei ela lá, é tudo de bom!!! bj

    • KKKK
      Oi Angelita! Não, nenhum bebezinho por enquanto…
      Olha, a batedeira além de linda é ótima! Se tiver a oportunidade, vale a pena, que é um item pra vida inteira e mais um pouco!
      Poxa, isso sim é presente, ainda mais se o maridão era o sorteado pra lavar a louça depois do jantar! kkkkk

      Beijão!

  23. Rsrs adorei seu post, sabe estávamos em Búzios também e eu acho isso uma coisa normal levar nossas guloseimas pra praia uma pelo fato de não querer pagar 13,00 numa long neck (acho um abuso ao meu suado dinheirinho), fiquei curiosa pra saber em qual praia vc ficou. Fomos para 3 praias diferentes mis só uma teve direito repeteco fomos na praia de Geribá, fomos na praia do forte e na de João Fernandes (essa foi a que mais gostamos). Pelas fotos parecia até que você estavana mesma praia que nós rsrs.

    Enviado pelo meu Windows Phone ________________________________

    • Aline, será que estávamos na mesma praia na mesma hora?! Será que Namorido não atropelou vcs com a prancha?! KKKK
      Estávamos em João Fernandes. Da próxima vez, vamos ver se nos encontramos!

      Beijão

  24. ninguém merece… eu vou virar agora a própria farofeira…rsrs, com baby pequena tenho que levar mala e cuia para os lugares… tô nem aí… isso é coisa do passado, hoje as pessoas são mais livres, menos importadas com isso, é que nem você falou tanto que não tenha fumaça, e respeite o espaço do outro, é válido! Lindas as fotos, parece que o passeio foi ótimo mesmo! bjs!

    • Cris, ainda mais com um filhotinho a tira colo… vai dar qualquer coisa pra comer?! É ruim hein! Quem tem filho tem que ser mais farofeiro ainda! Eu pelo menos seria…kkkkk
      Um beijo e em breve passo pra te visitar!

  25. Bom dia Amigaaaaaaaaaa

    Nossa, cada dia q passa mato mais um pouquinho da saudade de vc!!!!
    Amei sua “farofada” na praia Ju!!!!
    As fotos tb ficaram show de bola.
    QUE BELO PASSEIO O DE VCS!!!!

    bjsssssssss

    • Ahhhhh… vc me deixa toda boba! Eu to devendo visita, mas prometo que apareço em breve, viu?!
      O dia que quiser farofar por essas bandas, é só avisar!

      Beijão

  26. Que lugar lindoooo!!! Eu me considero uma farofeira sim. Levamos de tudo: cadeira, guarda sol,cooler com cerveja e água, lanchinho… Já levei caipirinha pronta, torrada com patê. Mas sempre me comportei e levei saquinho pra colocar o lixo e as latinhas. Tudo bem que o pessoal das barracas e os ambulantes vivem disso, mas “fincam a faca” sem dó! A última caipiroska que tomei na praia a um mês atras paguei 18,00 e pra ser sincera estava ruim pra caramba, era feita com vodka de 5ª e suco de maracujá de caixinha. Viva a farofa!!!

    • Márcia, tocou no ponto fraco! Quanta caipirinha ruim também já tomei por aí… do tipo que no dia seguinte parece que vai morrer! Acho uma exploração! Mas se depender de nós, isso não acontecerá nunca, jamais, novamente! kkkkk
      Beijão!

  27. Excelente o vosso retorno às postagens. Pela quantidade de comentários se tem a noção do quanto são queridos. Parabéns.
    Bom, como bom observador, notei que estiveram em João Fernandes e posso afirmar: é a praia mais explorada por barraqueiros em Búzios…Ferradura e Geribá são opções mais tranquilas. Mas vale a visita em qualquer praia da região, não é mesmo?

    • Observador, você realmente é muuuuito obrservador! Era lá mesmo!rsrsrsrs
      Vou ser honesta: fazia tanto tempo que não ia lá, que nem me lembrava que era assim. Como queríamos fazer stand up, acabamos indo pro outro lado da praia, que é bem menos explorada por eles. Então a dica é, se quiser fazer farofa por lá, vá pro lado direito, que é bem melhor! Ou então esteja preparado pra enfrentar a fúria dos “donos da praia”! rsrsrsrsrs
      Bom ver que continua por aqui!

      Abração!

  28. Ah se eu tivesse praia por perto para farofar!!! Infelizmente vou a praia normalmente uma vez por ano, nas férias, e daí a farofa não é prática. A alegria de vocês como sempre é contagiante! Beijocas

    • Iara, saudade de vc! Ainda vou lá colocar a fofoca em dia! Então, quando não é prática, ou vc simplesmente não está a fim, tudo bem, mas desaforo acharem que vc não pode fazer! Vem passar uns dias aqui em casa, e deixe a farofa por minha conta! Kkkkkkk
      Mil beijos!

  29. Lindaaaaa…que saudades de vc Juuuu!!!! o dia que vc vier em São Thomé das \letras e não me avisar eu te mato…. é pertinho daqui de casa e vcs tem que dar uma passadinha aqui pra gente tomar um porre de Red Label hein…o que vc acha….beijos minha querida…

    OBS : tava morrreeeeeennndoooo de saudades de vc!!!!

    • Driiiiii…tb estamos com saudade… inclusive ainda vou ao seu blog colocar o papo em dia… rsrsrs
      Só tenho uma coisa pra te falar: convida não que a gente vai!!! kkkkk
      Mil beijos minha amiga!

      • eu ia amar ter vcs aqui em casa…..

        beijos
        Ju não tive a mesma perseverança que vc, eu tirei o blog de circulação, não tinha inspiração nenhuma pra blogar, mas estou aqui firme e forte, lendo vc todos os dias….

        adoroooo

      • Olha, nós estamos planejando nossas viagens do ano, e se passarmos por algum lugar remotamente perto, juro que passamos pra fazer uma visita! Só não vai se arrepender por dar guarida a dois malucos! kkkkk
        Poxa, que pena que parou! Mas entendo o quer dizer… se resolver voltar, vou te dar a maior força!
        Só não suma mesmo, por favor!
        Um beijo enorme pra vcs!

    • Driiiiii…tb estamos com saudade… inclusive ainda vou ao seu blog colocar o papo em dia… rsrsrs
      Só tenho uma coisa pra te falar: convida não que a gente vai!!! kkkkk
      Mil beijos minha amiga!

  30. Se saiu para melhor , tudo bem. Mas devia ter ficado. Revoltante essa apropriao de bem pblico para uso comercial. A praia de todos. Levaria sim lanchinhos, j levei, no levo mais porque no vou mais praia. Curta muito sua praia.

    Em 12 de janeiro de 2014 22:57, Dias a Dois

    • Não é um abuso?! Saímos porque valia a pena, senão teriam que nos engolir o dia inteiro lá! Kkkkkk

      Beijocas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s