Novidades Na Casinha

Pessoal, rimos horrores com vocês tentando adivinhar o que era… e depois de tantas coisas super maneiras, nem sei se tem tanta graça o que é…rsrsrs.

Acho que vão falar: Ah, é só isso?! Ahhhh…

Mas vamos falar o que não é:

– A churrasqueira realmente nunca falamos a respeito, mas já passou pelo blog um mooonte de vezes,
– O coelho do rack é velho, e falamos dele num post da C&C,
– A foto que que sempre posto eu perguntando “como assim Bial” (e minha cara tá muito engraçada, por isso uso ela) é velha, por isso não tem os cachinhos,
– Não vamos pra Europa (embora depois de toda a teoria da conspiração da Paulinha eu realmente caí na real que falei muito sobre isso ultimamente…kkkkk)
– Sim, realmente tem um carro escondido nas fotos, mas não trocamos de carro (desculpe Felix, não posso te falar se o novo Uno é bom… kkkk). Fazemos isso pelo mesmo motivo de não termos face particular (apenas uma tentativa de face do blog), ou linkedin, ou qualquer outra coisa do gênero: preservar um pouco da nossa vida,  já que nossa casa é escancarada aqui. Então tentamos manter em sigilo com que carro andamos na rua, onde trabalhamos, nossos amigos e familiares que talvez possam conhecer, etc… Neura?! Talvez… mas nos sentimos mais confortáveis assim.
– Meu aparelho eu tirei em dezembro do ano passado, e só agora perceberam?! KKKKKKK
– E finalmente e mais importante: não tem nenhum bebê na minha barriga e nenhum plano a respeito… KKKKKK

Então, o que é?! Beeem vamos as pistas… primeiro a dica que dei aqui há um tempão: dá uma olhada na lista de desejos na barra lateral do blog… tá lá, um “comprado” grandão… E atualizei a lista logo assim que compramos, durante nossa viagem a Penedo no último feriado.

E o mole, quando postei sobre as flores, no dia dos namorados:

Então galerinha que acertou quando chutou tapete, meus parabéns… isso significa que tenho que tomar cuidado, porque nada passa despercebido diante de seus olhinhos vigilantes… KKKKKKK.

Se estiverem desiludidos vou entender, afinal, o que é um tapete diante de uma gravidez, não é?! hahaha

Mas enfim, sendo os tapetes a novidade,  vamos mostrar onde colocamos. O  pequeno por enquanto nos pés da cama:

Por enquanto porque o tapete grande que está no escritório vai vir pra suíte, então esse pequeno provavelmente nem no chão vá ficar, mas em cima de algum móvel…

… acho um luxo quando estão jogados em cima de uma cadeira, ou numa poltrona…

… mas pisar nele é simplesmente maravilhoso!

E quem adora ele é Pituca…

Tô louca pra pintar o quarto, pendurar as cortinas ao lado da persiana, fazer os armários…

… e colocar uma bela e enorme cabeceira na cama… ai, ai…

Não reparem que a saia da cama não é a do conjunto do edredom…

… a do conjunto eu fiquei com preguiça de colocar, então usei a que está na cama essa semana…rs

O de zebra, foi comprado especificamente pra sala e lá colocamos:

Não se prendam as cortinas e almofadas, porque iremos dar uma renovada no visual, depois que terminarmos os itens mais urgentes, claro. O mesmo pras imagens nos quadros, que até hoje não troquei… affff…

O que eu gosto nele é que ele não demarca um espaço específico pra sala, e deixa mais “solto” o ambiente…

… é muito fácil de manter e quando entramos de sapato, é fácil pular e não pisar em cima… tentamos não pisar em tapetes de sapato aqui em casa…

… mas o principal é deixar a gente abrir a porta sem problemas, o que o maior não deixava…

E junto com eles, compramos também uma almofada, que provavelmente morará no escritório.

Não reparem que ele estava fora de lugar…kkkk. Só percebi agora na hora de postar…

Namorido ADORA esse tapete. Diz que não encontra outro que ele se identifique mais. Mas ele tem razão, não?! Adoramos como valoriza o ambiente e é diferente do basicão que é o único tipo que encontramos por aí e que cabe no nosso orçamento…  nos negamos a dar um dinheirão em um tapete (pelo menos hoje é nossa filosofia, amanhã, não sabemos).

… e tapete felpudo pra sala, com Pituca entrando e saindo o tempo inteiro, esquece… tem que ser fácil de limpar!

Tirar essas fotos não foi rápido… tinha muita gente querendo participar…

… uma delas não só teimou em ficar…

… como ainda fez pose…

Posso com isso?!

Tenho que admitir que amamos os tapetes e sonhávamos em comprar desde quando começamos a frequentar sites e blogs americanos de decoração. Estamos muito felizes com nossas novas aquisições, mesmo que elas não tenham ainda casinha certa…rsrsrs.

Onde compramos? Num shopping pequenininho no centro de Penedo (a última viagem que falamos a respeito), cujas fotos ainda iremos postar… eu e meus enrolos…

E aí, mesmo não sendo nada assim de outro mundo como imaginavam, fiz bem em mostrar? Gostaram das aquisições? Alguém aí muito decepcionado com “A Novidade”?! KKKK

PS: Antes que me taquem pedra dizendo que é um absurdo usar pele, devo lembrar: aqui em casa Namorido e eu comemos carne e não temos nenhuma pretensão de parar. Já que comemos carne, então somos a favor do aproveitamento de tudo o que for possível no animal, o que inclui a pele. Pele de boi e ovelha, como estes que compramos, usamos sem nenhum peso na consciência. Mas somos completamente contra utilização de animais silvestres, seja pra uso do couro,  criação domiciliar ou em  zoológicos irregulares. Zebra só falsa!

Quando a Realidade Chama

Estou sumida… eu sei! O último foi foi recheado de leitores comentando pela primeira vez e de muito carinho e apoio de todos os nossos amigos e leitores. Mas eu não respondi.

Olha, eu sei que vcs querem logo tirar suas dúvidas, mas é que nem sempre eu consigo manter o ritmo… eu queria muito dedicar  mais tempo ao blog (em semanas normais, são mais de 2 horas por dia só respondendo emails e comentários), mas tem semanas onde essas duas horas fazem mais falta que o de costume, e preciso usá-las em outras coisas, muitas das vezes bem menos prazerosas do que conversar com vocês. Então, podem me dar esporro, mas não sumam, achando que eu não me importo, tá?!  Só mais um pouco de paciência…

E aí que vira e mexe me perguntam o que andamos fazendo ultimamente… bem, além de trabalhar, dirigir (e xingar) até o trabalho, tomar banho (somos pobres mas limpinhos), fazer outra coisa que não-é-apropriado-ficar-comentando-aqui-pois-o-horário-não-permite, sair (sim porque somos filhos de Deus – filhos loucos, mas mesmo assim filhos), nossa vida na semana passada se resumiu basicamente em:

Comer

Devoramos os dois de uma vez e agora estamos nos sentindo culpados… rsrsrs.

Estudar

Não deu tempo de fazer pose, porque eu estava falando…  Eu perguntei porque ele não espera eu parar de falar pra ele tirar foto. Aí sabem o que me respondeu?! Que ele não queria fazer cinqüenta com a máquina na mão! Pode?!

Trabalhar no escritório

Como viram, eu estava estudando na sala de estar/sala de jantar/cozinha/home theater. Sabem o que isso significa?

Não gente, não que eu deveria ter uma casa maior! Vocês são terríveis! KKKKK

Significa que o escritório precisa ser montado logo! Está fazendo falta. Então por isso, estamos (ou melhor, eu estou) organizando as coisas por lá. E acreditem, elas precisam ser organizadas!

E está vendo porque chamo de armazém?

Mexendo nas caixas, e papéis, encontrei coisas bem interessantes…

Vocês sabiam que uma das minhas malas foi escolhida pra ser aberta pela imigração americana? Nem eu… mas de acordo com esse documento, ela foi… kkkkk

Um recorte de jornal que eu guardo, de quando fui professora voluntária, e dei aula de inglês… magrinha, novinha…

E por falar em recorte de jornal, nesse aí de cima são os meus pais, com uns 18 anos, vendo um acidente de carro… eu e minha mãe somos tão parecidas, que até o jeito de parar é igual.

Nenhum dos dois recortes foi pro lixo, claro!

Mas muitas outras coisas foram, como esse monte de panfletos que eu guardava muito antes de ter essa casa, sonhando em um dia ter uma cozinha planejada pra chamar de minha!

Livrinho de lanches pra devorar na copa… de 98!

A revista de receitas Mulher Moderna…

… com lanches muito modernos… tá vendo?! OK, hoje pode ser brega, mas em 2001 quando foi lançada,  deviam ser demais!

Achei também uma conta de luz recente… 2005… tava com medo do que mais iria achar!

E de surpresa em surpresa, enchi uma caixa bem grande e uma sacola de papel. Mas ainda tem mais de onde esses saíram…

Mas teve alguém aqui em casa, que basicamente só fez uma coisa…

Essa semana estou me concentrando no escritório, um pouquinho todo dia. A ideia é  esvaziar ao máximo pra podermos começar a trabalhar nele.  Então teremos um projeto loooongo pra começar. Ele irá incluir pintura nas paredes, reforma de um móvel, criação de espaços de armazenagem…

Ainda não consegui decidir a cor, ainda não decidi por armários ou prateleiras, e sequer se quero fazer algum trabalho especial nas paredes… ai… Mas como estamos nessa correria por aqui, vou me concentrar apenas em esvaziar o escritório por enquanto.

Mas e vocês, alguém aí encontrou alguma surpresa no meio daquela baguncinha básica? Vocês me perdoam pelo atraso nas respostas?

Um Elefante Branco (ou Preto?!) em Minha Casa

Bom dia! Li os comentários e adorei! Morri de rir com alguns. Não vou poder responder um por um tá?! Mas cada um deles é sempre muito importante pra gente!

Antes de começar o post tenho duas informações pra dar:

– A Vanessa respondeu as dúvidas no post sobre o banheiro dela. Passa lá nos comentários para checar… Vanessa obrigada!

– O nível a laser você encontra em vários modelos no Mercado Livre. Não tem nenhum igual ao nosso, mas tem outros tipos que vão quebrar o mesmo galho.

Voltando a questão, compramos uma bandeja de couro na Tok & Stok pra usar como mesa lateral pro sofá. Mas como puderam ver aqui, ela não ficou na altura certa e não temos como diminuir o tamanho dela. Olhando nessa foto, até dá pra passar…

… mas quando se olha da porta, ela fica desproporcional.

Então começamos a procurar uma nova casa pra ela. Namorido e eu sempre pensamos em ter um bar em casa (lembram que ele é “Mestre Caipireiro”?! kkk) então pensamos em aproveitar a dita cuja como bar.

Na verdade, ela está nessa posição há meses, desde quando arrumamos a sala. Mas queremos decidir se ali será o lugar permanente dela.

Se ela for ficar aí, estamos pensando em colocar duas ou três prateleiras daquelas “fininhas” por cima dela, nessa parede do meio entre a entrada do lavabo a porta da área de serviço.

Achamos que com as prateleiras daria uma complementada no visual…

… e faria a bandeja parecer mais integrada ao ambiente.

Um ponto positivo dela ali nesse lugar, é que podemos ter o barzinho sem ocupar espaço nas bancadas.

E não sabe de qual prateleira estamos falando? Estamos falando de algo assim:

Tá vendo as duas menores?

Agora imagine algo assim em cima da bandeja… talvez duas ou três delas…

Tá imaginando algo assim?! kkkk

E claro que nós mesmos faríamos as bonitinhas, aliás a Suzy acabou de fazer pra casa dela e ficaram lindas!

Agora eu quero a opinião de vocês: o que acharam da bandeja como bar? Acham que ela pode morar ali? Acham que a ideia das prateleiras é uma boa? Ou coloco apenas quadros? Isso porque mesmo o “bar” não ficando ali vamos no mínimo pendurar uns 3 quadrinhos pra dar uma levantada no astral daquele cantinho… Enfim, falem, falem, falem…

Mudando Tudo de Lugar

Namorido, Pituca e eu ficamos felizes com a recepção calorosa que foi dada a ela! Obrigada a todos! Pituca mandou uma lambida pra vocês…

Continuando com o “Arrume Lugar pra Tudo ou Não Compre Mais Nada” daqui de casa, começamos a pensar no que poderíamos usar na sala, tanto pra desocupar o nosso escritório, que serve de depósito ainda, como para deixar a sala mais aconchegante sem gastar nada.

O tapete que compramos na Riachuelo e falamos aqui, é na verdade pro nosso quarto, mas usaremos na sala enquanto não encontramos outro do jeito que queremos.

E daí que fomos dar faxina e aproveitamos que iríamos arrastar as coisas do lugar, pra testar algumas composições:

Primeiro colocamos o tapete no lugar.

Aí experimentamos o tapete com a bandeja que compramos na Tok & Stok…

… e junto com os pufes que usávamos no quarto… da escada, não ficou dos piores…

…mas quando olhamos da porta, tudo pareceu meio solto. A bandeja alta demais, os pufes pequenos demais (ignorem a bagunça na cozinha, estávamos dando faxina…rsrs).

Volta o abajur. Pufe pra mesinha de centro.

Pufe como mesinha lateral do lado direito.

Tira a planta e passa o pufe pro lado esquerdo.

Não gostei. Volta o pufes pro lado direito e coloca o abajur grande do lado esquerdo e o pequeno do lado direito.

Huuum… talvez um pufe apenas e abajur grande…

… acho que se colocar a planta junto, vai balancear a sala…

Vamos manter a planta no lugar, tirar o abajur e colocar o outro pufe? É isso, resolvido! Apesar da foto de cima com o abajur parecer ter ficado boa, quando olhávamos da porta de entrada não ficava legal… ficava solto! Ao vivo o que mais parecia fazer sentido foi a posição abaixo, com dois pufes.

Talvez alguns de vocês tenham preferido outra, ou nenhuma…rsrsrs. O incrível é que não consegui encontrar nenhuma foto do antes nessa posição… mas acho que essa aí dá pra ter uma idéia:

Tá vendo? Faltava aconchego… com o tapete ficou mais aconchegante, mais “lar”.

O fato é que depois que colocamos esses itens no lugar, pudemos seguir em frente com o próximo passo: pendurar os quadros que estavam jogados lá no escritório.

Então esse não é o depois da sala, tá pessoal?! É o durante. Teremos mais um post mostrando os quadros, e um outro com a sala como se encontra hoje (já montadinha). Lembrando que não iremos comprar nada, só aproveitar o que temos perdido pela casa. Precisamos abrir espaço no escritório…

E vocês, acham que estamos no caminho certo? Já deram a louca e trocaram os móveis de lugar várias vezes no mesmo dia? Estão conseguindo aproveitar o que já tem em mãos na decoração de seu lar doce lar?